Por Redação - SPJ

Doria sobre compra de jatinho: não é ilegal e assunto é requentado

Governador de SP respondeu às insinuações de filho de presidente de que ele financiou a compra de uma aeronave de R$ 44,03 milhões, em 2010

20/08/2019 16h52
Por: Redação
13
Foto: Reprodução/SPJ
Foto: Reprodução/SPJ

O governador de São Paulo, João Doria Jr. (PDSB), respondeu às insinuações do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, de que ele teria utilizado dinheiro público para "facilitar caprichos pessoais" ao usar o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para financiar a compra de uma aeronave no valor de R$ 44,03 milhões em 2010.

 

"Assunto requentado", cravou Doria. "Não há nada ilegal.

 

A Embraer é uma empresa respeitada no mundo inteiro e que gera milhares de empregos no BR.

 

O BNDES cumpriu seu papel de incentivar a indústria nacional", comentou o governador, que ainda disse que "alguns oportunistas tentam associar o financiamento que fiz a algo errado".

 

Doria comentou também que a "abertura da caixa preta" do BNDES, anunciada pelo presidente da instituição, Gustavo Montezano, deveria estar focada nos "bilhões emprestados pelo BNDES para obras de 'desenvolvimento' em países 'companheiros' durante a gestão do PT no Governo Federal que nunca foram pagas". 

 

Copyright © Estadão. Todos os direitos reservados. Fonte: R7

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
São Paulo - SP
Atualizado às 19h02
18°
Céu encoberto Máxima: 35° - Mínima: 20°
18°

Sensação

24 km/h

Vento

83%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Municípios
Anúncio
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias